Menu fechado

Outros Documentos da Wiki

SAGE ADVICE COMPENDIUM #

O Compêndio de Conselhos Sábios reúne perguntas e respostas sobre as regras de Dungeons & Dragons (quinta edição). O número da versão do documento muda quando adições ou revisões substanciais são feitas ao texto. Você pode encontrar todas as duvidas respondidas aqui.

Grupos do Whats #

Pode ser que novas dúvidas surjam. Temos grupo de WhatsApp ativos para você poder tirar todas suas dúvidas. Conheça-os aqui.
-------------------

#

A característica transe permite que um elfo termine um descanso longo em 4 horas? #

Não é essa a intenção. A característica transe permite que um elfo medite por 4 horas e então sinta-se da mesma forma que um humano após dormir por 8 horas, mas isso não é destinado a reduzir o descanso longo de um elfo. Um descanso longo é um período de relaxamento que dura pelo menos 8 horas. Pode incluir sono, leitura, conversa, alimentação e outras atividades relaxantes. Ficar de vigia é até possível durante ele, mas por no máximo 2 horas; manter uma vigilância elevada por mais tempo do que isso não é relaxante. Em resumo, um descanso longo e dormir não são a mesma coisa; você pode dormir quando não está fazendo um descanso longo e pode fazer um descanso longo sem dormir.

Um elfo pode passar 4 horas em transe durante um descanso longo e então tem 4 horas adicionais de atividades leves. Enquanto os companheiros de um elfo estão cochilando, o elfo pode estar acordado e envolvido em uma variedade de atividades, incluindo esculpir um belo enfeite, compor um soneto, ler um tomo de conhecimento antigo, tentar se lembrar de algo experimentado séculos atrás e ficar de olho no perigo. A característica transe, em última análise, destina-se a destacar o caráter sobrenatural dos elfos, não a dar-lhes uma vantagem no jogo. Dito isso, se você for o Mestre e decidir permitir que o transe encurte o descanso longo de um elfo, você não vai quebrar o jogo. Você está fazendo uma escolha de construção de mundo se optar por fazê-lo. Você está decidindo que os elfos, em escala global, estão prontos para voltar à luta antes de qualquer outra pessoa, que eles se curam mais rápido do que a maioria dos humanoides e que recuperam sua energia mágica mais rapidamente. Tal escolha faria sentido em um mundo onde os elfos são a raça dominante, onde não apenas vivem mais do que outros, mas também se recuperam mais rápido.

Atualizado em 07/05/2024